Início » Entrevista Mitchel Resnick

Entrevista Mitchel Resnick

Como ajudar os jovens de hoje a crescerem como pensadores criativos? Com formação em Física pela ...

Como ajudar os jovens de hoje a crescerem como pensadores criativos? Com formação em Física pela Universidade de Princeton, Mestrado e Doutorado em Ciência da Computação pelo MIT (Massachusetts Institute
of Technology) e diretor do grupo de pesquisa Lifelong Kindergarten do MIT Media Lab, Mitchel Resnick tem desenvolvido novas tecnologias, atividades e estratégias para vencer esse desafi o e envolver crianças e jovens em experiências de Aprendizagem Criativa. Alinhada à abordagem do Construcionismo, proposta pelo educador Seymour Papert (matemático que trabalhou com Jean Piaget e foi um precursor do uso do computador na
educação), a Aprendizagem Criativa é baseada em quatro elementos fundamentais, chamados de Quatro Ps da Aprendizagem Criativa:

PROJETOS: Aprendemos melhor quando trabalhamos ativamente em projetos significativos e que podem ser compartilhados com outras pessoas. Esses projetos podem ser desde jogos de computador, carros de madeira, poemas, castelos de areia, peças de teatro, entre outros.

PARCERIAS: O aprendizado prospera quando é feito como uma atividade social, com pessoas compartilhando ideias, colaborando em projetos e
ajudando no trabalho umas das outras.

PAIXÃO: Quando as pessoas trabalham em projetos pelos quais têm interesse, elas trabalham por mais tempo e se esforçam mais, persistem diante dos desafios, e aprendem mais nesse processo.

PENSAR BRINCANDO: Aprender envolve experiências divertidas, ou seja, testar coisas novas, manipular diferentes materiais, testar limites, assumir riscos, repetir algo várias vezes.

O grupo Lifelong Kindergarten usou os Quatro Ps da Aprendizagem Criativa como princípios para o projeto da linguagem de programação e comunidade on-line Scratch (http://scratch.mit.edu). Desde seu lançamento em 2007, milhões de jovens de todo o mundo usaram o Scratch para programar suas próprias histórias interativas, jogos e animações, e também para compartilhar essas criações uns com os outros online.


Já foram criados e compartilhados mais de 50 milhões de projetos na comunidade on-line Scratch, com cerca de 10 mil novos projetos
por dia. Quando os jovens criam projetos com o Scratch, eles se envolvem na “espiral da Aprendizagem Criativa”: eles imaginam o que querem fazer, criam um projeto com base em suas ideias, brincam com suas criações, compartilham suas ideias e criações com outras pessoas, refletem sobre suas experiências – e tudo isso os leva a imaginar novas ideias e projetos.


Enquanto os alunos passam por esse processo, cada vez mais eles aprendem a desenvolver suas próprias ideias, a testá-las, a testar limites,
experimentar alternativas, ouvir as opiniões dos outros e criar novas ideias com base em suas experiências. Nesse processo, eles se desenvolvem como pensadores criativos.


Nesta entrevista exclusiva para o blog Faber-Castell Educação, Mitchel Resnick aborda como é possível adotar os Quatro Ps da Aprendizagem Criativa na escola.

O QUE É A ABORDAGEM DA APRENDIZAGEM CRIATIVA? COMO ELA é IMPORTANTE NO COTIDIANO DA ESCOLA?
O mundo está mudando mais rapidamente do que nunca. À medida que as crianças de hoje crescem, elas enfrentarão um fluxo enorme de situações desconhecidas, imprevisíveis e incertas.
Para prosperar neste mundo em rápida mudança, as crianças devem aprender a pensar e agir criativamente. Esse é o objetivo da abordagem da Aprendizagem Criativa.

É NECESSÁRIO HAVER MUDANÇAS NO ESPAÇO FÍSICO DA ESCOLA PARA POTENCIALIZAR A APRENDIZAGEM CRIATIVA?
Para se desenvolver como pensadores criativos, as crianças devem ter oportunidade de criar e colaborar. Isso não acontecerá se elas estiverem

sentadas em fi leiras de mesas voltadas para a frente da sala de aula. As salas de aula devem ser organizadas para incentivar os alunos a e explorar,experimentar e se expressar.

FAZ SENTIDO SISTEMATIZAR A APRENDIZAGEM CRIATIVA PARA QUE NÃO SEJA UTILIZADA APENAS EM ATIVIDADES ISOLADAS DENTRO DA ESCOLA E SIM EM TODO O PROCESSO DE ENSINO APRENDIZAGEM?
Desenvolvemos quatro princípios orientadores para apoiar a Aprendizagem Criativa: Projetos, Paixão, Pares (parceria) e Pensar Brincando, ou seja, apoiamos os alunos trabalhando em projetos, com base em suas paixões, em colaboração com seus colegas, em um espírito lúdico. Esses 4 Ps (em inglês Projects, Passion, Peers and Play) da Aprendizagem Criativa podem (e devem) ser aplicados a todas as atividades de sala de aula e a todas as áreas do currículo.

PARA UMA ESCOLA TRADICIONAL E QUE JÁ RECONHECE QUE SUAS PRÁTICAS NÃO ESTÃO MAIS ENGAJANDO E MOTIVANDO OS ALUNOS, NA SUA OPINIÃO, QUAL SERIA A PRIMEIRA MUDANÇA A SER FEITA?
Eu incentivaria as escolas a colocar mais ênfase nos 4 Ps de Aprendizagem Criativa (Projetos, Paixão, Pares e Pensar Brincando).

QUAIS TÊM SIDO AS INICIATIVAS DE PESQUISA DO LIFELONG KINDERGARTEN SOBRE APRENDIZAGEM CRIATIVA?
Em nosso grupo de pesquisa Lifelong Kindergarten (“Jardim da Infância por toda a vida”) no MIT Media Lab, desenvolvemos novas tecnologias, atividades e estratégias para apoiar o aprendizado criativo – e depois estudamos como colocar essas ideias em prática. Por exemplo, desenvolvemos nossa linguagem de programação e comunidade on-line Scratch especifi camente para apoiar e incentivar o aprendizado criativo.
E nós estabelecemos redes (como a Rede de Aprendizagem Criativa no Brasil, criada em colaboração com a Fundação Lemann) para apoiar educadores que estão colocando em prática nossas ferramentas e ideias de Aprendizagem Criativa.

DE QUE MANEIRA A APRENDIZAGEM CRIATIVA AJUDA AS CRIANÇAS A SE TORNAREM ADULTOS MAIS COOPERATIVOS/COLABORATIVOS?
A Aprendizagem Criativa é um processo social, no qual as pessoas aprendem com os outros e a partir dos outros, à medida que as pessoas colaboram e compartilham, elas recebem feedback e incentivo, gerando novas ideias e novas direções.

APRENDEMOS MELHOR TRABALHANDO COM PROJETOS?
À medida que as pessoas trabalham em projetos, elas se envolvem em uma “espiral de Aprendizagem Criativa”. Nesse processo, elas imaginam novas ideias, criam coisas com base nessas ideias, brincam e experimentam com suas criações, compartilham suas ideias e criações com os outros, refletem sobre suas experiências – tudo isso as faz pensar em novas ideias e começam a passar novamente pela espiral.

NA APRENDIZAGEM CRIATIVA, O CONCEITO DE BRINCAR VAI ALÉM DE DIVERSÃO E ALEGRIA. PODE EXPLICAR MELHOR NO QUE CONSISTE O
“PENSAR BRINCANDO”?

Eu vejo o “brincar” como uma atitude, não apenas uma atividade. Quando as pessoas têm um espírito “lúdico”, elas estão dispostas a experimentar, correr riscos e tentar coisas novas. Esse espírito é essencial para a Aprendizagem Criativa.

COMO AVALIAR CRIATIVIDADE, OU SEJA, COMO SABER EFETIVAMENT QUE AS CRIANÇAS ESTÃO SE MANTENDO CRIATIVAS, OU APRIMORANDO SEU POTENCIAL CRIATIVO?
É útil analisar o portfólio de coisas que as crianças criam. Se há variedade e diversidade em suas criações, e se suas criações evoluem em novas direções ao longo do tempo, é uma boa indicação do pensamento criativo.

COMO AVALIAR CRIATIVIDADE, OU SEJA, COMO SABER EFETIVAMENTE QUE AS CRIANÇAS ESTÃO SE MANTENDO CRIATIVAS, OU APRIMORANDO SEU POTENCIAL CRIATIVO?
É útil analisar o portfólio de coisas que as crianças criam. Se há variedade e diversidade em suas criações, e se suas criações evoluem em novas direções ao longo do tempo, é uma boa indicação do pensamento criativo.


Asset 2

Veja mais

A criatividade pede passagem

O mundo busca mentes criativas. Crianças nascem curiosas, inventivas. Os pesquisadores George Land ...

Saiba Mais

Aprendizagem Criativa: o que é e quais são seus objetivos

Como você acha que funcionam os laboratórios mais criativos e inovadores do mundo? Se você imagin...

Saiba Mais